Desenvolvimento e Florescimento Humano




Vamos primeiro debruçar-nos sobre a palavra DESENVOLVER. Faça comigo este raciocínio mental imaginar que está a escrever a palavra DESENVOLVER, ou se tiver oportunidade pode até escrevê-la. Quando observamos essa palavra escrita, se lhe retirarmos as 3 primeiras letras DES, resta a palavra ENVOVER!

DES (envovelver) significa que precisamos de retirar o involucro de algo ou alguma coisa que se encontra envolvida. Assim como fazemos quando recebemos um presente maravilhosamente embrulhado e envolvido num papel especial e adornado com um lindo laço.

Concluímos então que o Desenvolvimento será com certeza o ato de desembrulhar e retirar esse involucro de nós próprios. Muitas vezes afirmo, que só podemos mudar aquilo que compreendemos, só quando apostamos nesse desenvolvimento, nesse ato de retirarmos os nossos invólucros, podemos deixar entrar a luz e ver o que lá está! Tantas vezes embrulhado durante anos e décadas, causando um sofrimento ao qual a tendência é nos habituarmos a ele por resignação, de que sempre foi assim.

O Desenvolvimento é também Autoconhecimento, autocompreensão e abre canais dentro de nós para encontrarmos soluções eficientes para sairmos desse sofrimento aprendido.

Para quê criar um planeta onde nasceriam seres vivos para sofrer? Qual seria a intenção ou a utilidade disso? Não é o sofrimento que nos engrandece, nem a luta e as guerras que travamos connosco próprios, porque isso é tudo uma forma de violência, por vezes profunda e traumática.

Hoje sabemos praticamente tudo sobre como se formam as doenças mentais e pasmem: cada vez há mais doenças mentais e mais graves. Então para que servirá o desenvolvimento e o autoconhecimento se na verdade fica tudo no mesmo sítio, apenas mitigando o sofrimento.

Mas aliviar o sofrimento não é o mesmo que deixar de sofrer ... Contimue para saber mais

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo